Google já está indexando conteúdo em Flash

Flash CS3

O Google acaba de anunciar uma das notícias mais esperadas de todos os tempos por desenvolvedores Flash: o lançamento de um algoritmo em seu robô de buscas que passará a indexar conteúdo que está dentro de arquivos SWF.

Isso significa que widgets, menus, banners e qualquer conteúdo textual interno de sites em Flash (que eram ignorados pelo site de buscas até então) começarão a ser enxergados como conteúdo relevante para resultados de pesquisa. E parece que muita coisa pode mudar daqui para frente, já que muitos profissionais optavam por sites em HTML ao invés do Flash justamente por não haver nenhum potencial de aumento de visitas orgânicas (aquelas vindas de sites de busca).

A Google completa que o algoritmo irá coletar os dados navegando da mesma maneira que um usuário faria, clicando em botões, links e lendo os campos de texto. A gigante das buscas também afirma que os sites serão indexados automaticamente e faz algumas observações:

  • Arquivos Swf inseridos na página por Javascript (com o SwfObject, por exemplo) não serão indexados.
  • Arquivos Swf carregados de dentro do Swf principal não são reconhecidos.
  • Imagens dentro do Swf também não serão indexadas por enquanto.
  • Vídeos Fla não serão indexados por não possuírem texto.
  • Links no Flash para páginas dentro de seu próprio site ajudarão o Google a indexar melhor o seu site.
  • Links em um botão que não tenha legenda em texto serão ignorados.

Embora em alguns casos o Flash ainda não seja a melhor opção, podemos esperar com otimismo novos investimentos e um considerável aumento de qualidade nas interfaces desenvolvidas pelo programa.

UPDATE: A iniciativa vem da Adobe, que disse estar enviando o material necessário para empresas dispostas a acessar e indexar este conteúdo e a gigante Yahoo também já começou a aprimorar seu algoritmo para fazer a leitura dos arquivos.